parallax background

Aposte em Email Marketing em 2018!

Quer apostar a sério em Marketing Digital?…
14/03/2018
 

Nos últimos anos abusámos das famosas e-newsletters e por isso “queimámos” este canal de comunicação com os stakeholders das nossas Organizações, em menos de três tempos!

Creio que 2018 será um ponto de viragem para esta realidade, por dois motivos: 1) A maior parte de nós já percebeu que o “envio em massa” é uma maçada para quem recebe e não resulta; 2) Porque a nova legislação da proteção de dados que vai entrar em vigor em maio não nos vai dar tréguas (abordaremos as implicações concretas destas novas regras em outro post).

Assim, partilho convosco 7 princípios que, no nosso caso, têm trazido bons resultados, conforme podem ver na tabela em baixo.

blog-email-marketing-raise-ngo

 

#1. Enviar emails para quem quer receber emails

A lógica “Tenho o email de uma pessoa, logo envio emails…” chama-se SPAM, chateia as pessoas e promove o desperdício de uma forma extremamente cost-effective de comunicar e de apelar à participação das nossas causas sociais. Assim, faz todo o sentido enviar emails com objetivos de comunicação e marketing delineados e apenas para quem manifestou interesse em recebê-los.

Alguns estão a pensar: “Mas, assim, as nossas listas de newsletter vão ter muito menos contactos e vamos perder potenciais novos doadores e voluntários”. Vão mesmo?!… Será que se uma pessoa não tomar a iniciativa de subscrever a nossa comunicação por email, vai estar disponível para ir a um evento ou enviar dinheiro em resposta a um email? Mesmo que a reposta seja “sim”, a verdade é que isso vai contra a nova legislação da proteção de dados.

Se em cada formulário de doação, inscrição em evento, voluntariado, atualização de dados… acrescentarmos a pergunta “Quer receber as nossas notícias por email?”, a lista de subscritores vai crescer gradualmente.

Outra vantagem: o custo com a ferramenta de email será mais baixo e dá-nos a possibilidade de escolher uma ferramenta melhor.

#2. Do “Mass Email” para o “1-1 Email”

Além da permissão para enviar o email, temos de procurar conhecer minimamente o perfil de participação e os interesses de cada pessoa, dentro do contexto da missão da nossa Organização. Isto vai permitir segmentar gradualmente a nossa base de dados e dirigir uma comunicação cada vez mais personalizada.
Existem pelo menos dois tipos de indicadores que devem ser considerados no processo de segmentação da base de dados:

  1. Indicadores de participação – como: doadores/ voluntariados ativos; potenciais doadores; doadores regulares; parceiros. Estes indicadores podem ser automatizados na base de dados, para termos a informação sempre atualizada.
  2. Interesses pessoais – recolhidos junto dos contactos, como: Temas de interesse; Interesse nas nossas oportunidades de voluntariado… Obviamente que ao perguntarmos sobre estes interesses pessoais, devemos ter a capacidade para adequar os conteúdos da informação e responder a estas preferências; caso contrário, é preferível ficar pelo primeiro tipo de indicadores.

 

#3. Sincronização entre CRM e Email Marketing

Se estamos a conseguir segmentar a nossa base de dados através do CRM, então a sincronização com a ferramenta de email marketing é o passo que se segue – de outra forma, vamos ter uma trabalheira!

 

#4. Vale a pena investir alguns euros na ferramenta de Email Marketing certa

Existem várias ferramentas de Email Marketing, e outras tantas que nos permitem entrar na dimensão seguinte de “Email Automation” (vamos falar sobre esta diferença num post futuro).

Deixo-vos algumas dicas para avaliar e ajudar a escolher a ferramenta de email marketing certa:

  • Possibilidade de integração com o CRM (se gratuito, melhor)?
  • User friendly?
  • Facilidade de composição dos emails (se possível em mobile)?
  • Mobile Friendly (ajusta os conteúdos aos ecrãs)?
  • Estatísticas razoáveis (pelo menos: quem abriu, quem clicou, onde, quando, em que dispositivos)?
  • Aplicação móvel? – pode ser bastante útil para criar uma newsletter em cima da hora ou para acompanhar os resultados das campanhas.
  • Escalável? – Para garantir que não ficamos ”apeados”, se o número de subscritores de repente aumentar
  • Preço razoável?
Não esquecer que a avaliação do preço deve passar sempre pelas questões: 1) Que resultados espero obter com este investimento? 2) Quanto tempo vou poupar com esta ferramenta no final do mês?

 

#5. Não dar um passo maior que a perna

Um email é uma forma de comunicação que existe no contexto de uma relação: entre as pessoas que trabalham numa Organização e as pessoas que têm interesse em apoiar essa mesma Organização. Como em todas as relações, é esperada reciprocidade: algumas vezes damos, outras vezes pedimos… Pode parecer um raciocínio de um miúdo de 10 anos, mas se nos lembrarmos dele mais vezes, evitamos algumas situações prejudiciais:

  • Pedir, pedir, pedir… e poucas vezes: Agradecer; Explicar os resultados dos apoios; Convidar para conhecer melhor a Instituição.
  • Fazer pedidos exagerados junto de pessoas que não têm um histórico de doação e assim queimar a relação.

Quando fazemos apelos, sejamos claros. Isto significa ter um botão visível e fácil de pressionar com as palavras mágicas: “Quero doar/ subscrever/ participar”.

 

 

#6. O conteúdo e o tamanho contam (e, já agora, a imagem)

Para muitos de nós, a tarefa de manter a caixa de email em dia é uma miragem, que às vezes exige muito esforço para a alcançarmos. Por isso, o primeiro impacto que o nosso email provoca, e que deve captar o olhar, é crítico na decisão entre “vou ler as primeiras linhas” ou “arquivar”.

Algumas dicas:

  • Optar mais vezes por contar uma história, em vez de colocar um índex das últimas notícias (embora às vezes seja necessário);
  • Usar entre 250 a 400 caracteres – o resto da notícia deve ser contada no site ou blog;
  • Escolher uma imagem ou gif apelativo (não mais que duas imagens) – sites gratuitos, como o Unsplash, podem ser uma grande ajuda.
  • Se incluir um convite: usar um botão de conversão, para ser possível medir resultados.

 

#7. Avaliar, avaliar, avaliar…

A tabela que mostramos no topo deste artigo dizem respeito aos resultados da newsletter que enviámos para os contactos da Raise N’GO, para convidá-los a receberem a nossa newsletter. Este convite foi enviado para 2 segmentos: 1) Colaboradores de Organizações com quem trabalhamos; 2) Colaboradores de Organizações com quem já iniciámos alguma relação mas que, por diferentes motivos, ainda não surgiu a oportunidade de trabalharmos em conjunto. A taxa de abertura do email pelos nossos clientes foi de aproximadamente 60% – o dobro do segundo segmento. Tivemos uma taxa de cliques no botão “Subscrever newsletter” de 20%, dos quais resultaram 40 novas subscrições da newsletter.

É este tipo de indicadores que precisamos de obter no final de cada campanha, para podermos fazer melhor na próxima.

 

Continuação de bom trabalho!

 

(Foto: Mathyas Kurmann – Unsplash)

Tiago Carmona
Tiago Carmona
Consultor de marketing e tecnologia para a Economia Social

62 Comentários

  1. Claudia diz:

    Claro, útil – excelente contributo!
    Obrigada pela partilha!
    Queremos mais.

  2. Hello! Do you know if they make any plugins to assist with SEO?
    I’m trying to get my blog to rank for some targeted keywords but I’m not seeing very good gains.
    If you know of any please share. Thank you!

  3. Hi, i think that i saw you visited my weblog so i came
    to “return the favor”.I am trying to find things to improve my web site!I suppose its ok to use a few of
    your ideas!!

  4. whats diz:

    Kit Completo Whatsapp Envios Em Massa 2018

    Alcance Seu Publico Alvo

    http://goo.gl/5xlONh

  5. This is my first time go to see at here and i am truly pleassant to
    read everthing at single place.

  6. These are in fact enormous ideas in regarding blogging.
    You have touched some good points here. Any way keep
    up wrinting.

  7. Highly descriptive post, I liked that a lot.
    Will there be a part 2?

  8. Abby diz:

    Excellent post. I was checking continuously
    this blog and I am impressed! Very helpful info specifically the
    last part 🙂 I care for such info a lot. I was seeking this particular information for a long time.
    Thank you and best of luck.

  9. Davis diz:

    I really like reading through an article that will make people think.
    Also, thank you for allowing for me to comment!

  10. May diz:

    Hello, yes this post is truly nice and I have learned lot of things from it regarding blogging.
    thanks.

  11. Tanja diz:

    Great article, just what I needed.

  12. Darci diz:

    Your method of describing the whole thing
    in this post is truly good, all be able to effortlessly understand it, Thanks a lot.

  13. Junior diz:

    Hey I know this is off topic but I was wondering if you
    knew of any widgets I could add to my blog that automatically tweet my newest twitter updates.
    I’ve been looking for a plug-in like this for quite
    some time and was hoping maybe you would have some experience with something like this.
    Please let me know if you run into anything.

    I truly enjoy reading your blog and I look
    forward to your new updates.

  14. June diz:

    I am regular reader, how are you everybody? This article posted at this
    website is actually fastidious.

  15. Charley diz:

    This is the perfect website for anyone who wishes
    to understand this topic. You understand so much its almost hard to argue with you (not that I personally will need to…HaHa).
    You definitely put a fresh spin on a subject that
    has been written about for years. Excellent stuff,
    just great!

  16. Davida diz:

    Valuable information. Lucky me I found your site by chance, and
    I am surprised why this coincidence didn’t happened in advance!
    I bookmarked it.

  17. Craig diz:

    I must thank you for the efforts you have put in penning this website.
    I’m hoping to view the same high-grade blog posts by you in the future as well.
    In truth, your creative writing abilities has inspired me to get my own website now ;
    )

  18. Kent diz:

    Highly energetic post, I enjoyed that bit. Will there be a part
    2?

  19. Grover diz:

    Greetings from Florida! I’m bored to tears at work
    so I decided to check out your blog on my iphone during lunch break.
    I love the knowledge you provide here and can’t wait to take a look
    when I get home. I’m amazed at how fast your blog loaded on my cell phone ..

    I’m not even using WIFI, just 3G .. Anyhow, very good site!

  20. Stuart diz:

    Hey very nice blog!

  21. Sabrina diz:

    Hello there! Do you know if they make any plugins to
    safeguard against hackers? I’m kinda paranoid about losing everything I’ve worked hard on.
    Any recommendations?

  22. Theresa diz:

    Today, I went to the beach with my children. I
    found a sea shell and gave it to my 4 year old daughter and said “You can hear the ocean if you put this to your ear.” She placed the shell to her ear
    and screamed. There was a hermit crab inside and it pinched her ear.
    She never wants to go back! LoL I know this is totally off topic but I had
    to tell someone!

  23. Katherine diz:

    I have read a few just right stuff here. Certainly price bookmarking for revisiting.

    I wonder how much attempt you place to make
    one of these magnificent informative website.

  24. Krystle diz:

    Hey I know this is off topic but I was wondering if you knew
    of any widgets I could add to my blog that automatically tweet my newest twitter updates.

    I’ve been looking for a plug-in like this for quite some time and was hoping maybe you would have
    some experience with something like this. Please let me know
    if you run into anything. I truly enjoy reading your blog and I look forward to your new updates.

  25. Jill diz:

    Great article.

  26. Phil diz:

    Thank you, I’ve recently been searching for information about this subject for a long
    time and yours is the greatest I have discovered so far.
    But, what about the conclusion? Are you positive about the supply?

  27. Margarita diz:

    You really make it seem so easy with your presentation but I find this
    topic to be really something that I think I would never understand.
    It seems too complex and extremely broad for me. I’m looking forward for your next post, I will try to get the hang of it!

  28. Bonny diz:

    Just desire to say your article is as surprising. The clarity for your put up is just nice
    and i could think you’re knowledgeable in this subject.

    Fine with your permission allow me to clutch your feed to keep updated
    with approaching post. Thanks a million and please continue the enjoyable work.

  29. Flora diz:

    I was recommended this web site by my cousin. I’m not sure whether this
    post is written by him as no one else know such detailed about my difficulty.

    You are incredible! Thanks!

  30. Hi, I log on to your blog daily. Your humoristic style is awesome, keep it up!

  31. Have you ever thought about writing an e-book or guest authoring on other websites?
    I have a blog based upon on the same subjects you discuss and would love to have you
    share some stories/information. I know my subscribers would enjoy your work.
    If you’re even remotely interested, feel free to send me an email.

  32. EllGory diz:

    Motilium Drug viagra Cialis Experiencias Baclofene Naturel

  33. Florida diz:

    What a material of un-ambiguity and preserveness of valuable knowledge on the topic of unexpected feelings.

  34. AaronDox diz:

    http://sildenafil.bio/ – sildenafil citrate over the counter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *